Entrar na Fábrica

Esqueceu a Senha?


Ainda não possui cadastro? Registre-se agora!

Sou Compositor   Sou Intérprete

x
#

Compositor Peninha fala com exclusividade à Fábrica de Sucessos

"A Fábrica De Sucessos é uma oportunidade para novos autores que existem espalhados pelo país inteiro". Peninha


Quando se fala em compositores de nome no Brasil, Peninha é um dos primeiros nomes citados. Ele começou sua carreira aos 13 anos, cantando. Mas foi aos 16 que passou a mostrar seu lado compositor, quando escrevia para cantar nos festivais que aconteciam no interior de São Paulo. 


O sucesso veio em 1977, com a canção Sonhos, mas Peninha também ressalta uma outra música gravada, antes dessa. "No segundo compacto que lancei, gravei a música Máquinas, mas o sucesso veio mesmo com Sonhos".


Peninha teve composições gravadas por nomes sucesso, entre eles, Fábio Junior, Daniel, Alexandre Pires, Caetano Veloso e Roberta Miranda. E ele confessa que já chorou muitas vezes vendo suas letras sendo interpretadas por outros artistas. "É muito bom, a emoção é muito forte. É isso que o compositor busca. Às vezes o intérprete faz a gente se emocionar. Já chorei muitas vezes", disse.


E a inspiração para escrever letras tão lindas? Peninha destaca que há várias formas de escrever. "Antigamente era papel e caneta, hoje é o celular. Existem várias maneiras de criar música popular. A que mais gosto é a maneira sem estresse. Pego o instrumento e a música salta de mim, parece que já estava pronta em algum lugar da minha cabeça. Tenho alguns sucessos que nasceram assim", explicou.


Para os "Peninhas" espalhados pelo Brasil, o cantor e compositor acredita que a plataforma digital Fábrica de Sucessos poderá ser uma ponte para divulgação de excelentes trabalhos. "A Fábrica De Sucessos é uma oportunidade para novos autores que existem espalhados pelo país inteiro. Muitos autores acabam deixando seu trabalho na gaveta, porque não têm para quem mostrar. Imagino que existem muitas músicas maravilhosas prontas para fazer sucesso, que precisam de um intérprete, mas precisam de uma porta aberta. Creio que a Fábrica de Sucessos" pode ser essa porta".

Peninha ainda dá a dica para os que sonham em um dia ter uma canção gravada por um grande artista: "Pensem em ser Caetano, Gil, Roberto (risos). Pensem grande. Não parece, mas a música ocupa muito espaço. Acho difícil ser artista profissional e gerente de banco ao mesmo tempo. Compor, compor, compor...um dia dá certo".


CT 11/19/2014 4:24:00 PM